"O conhecimento é o mais potente dos afetos: somente ele é capaz de induzir o ser humano a modificar sua realidade." Friedrich Nietzsche (1844?1900).

professora Gisele Leite

Diálogos jurídicos & poéticos

Textos


Pendular

Sentir um amor sereno.

Gotejante feito orvalho da manhã.

Suave como as pétalas da flor

De mil primaveras.

 

O silêncio enfeitado de sentidos.

Sentidos ornados com silêncios

Semânticos.

 

Você rir de minha seriedade.

E, eu rio de sua seriedade grave.

Nas profundidade da alma ouço o eco

de mantras e do ego...

Ora é cupidez e querer.

Ora é placidez e meditação.

 

Momento pendular

E, retilíneo e uniforme.

 

Sentir o seu amor discreto.

De olhares oblíquos.

Sua piscada lenta,

a refazer a imagem como mágica.

 

Agora, estou aqui lembrando.

Detalhes dispersos no multiverso.

Num tempo compassado

por rotações e translações.

E, o pêndulo cumprindo seu destino.

De ir e vir infinitamente.

Por entre humanos corações.

 

GiseleLeite
Enviado por GiseleLeite em 26/07/2022
Copyright © 2022. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
iDcionário Aulete