"O conhecimento é o mais potente dos afetos: somente ele é capaz de induzir o ser humano a modificar sua realidade." Friedrich Nietzsche (1844?1900).

professora Gisele Leite

Diálogos jurídicos & poéticos

Textos


O tempo é uma ilusão dos mortais. A diferença entre passado, presente e futuro é apenas uma persistente ilusão. Se consultarmos os incas, saberemos que o  presente, passado e futuro fazem parte de tempo cíclico, de modo que estamos de frente para o passado e de costas para o futuro, em rodopios constantes e velozes. O passado é visível, porém, o futuro não podemos ver. Enquanto o presente no mundo, situado no espaço-tempo é movido pela ação cíclica do tempo, que o torna o futuro um passado. A Ciência humana ainda mantém a ideia de dobradura do espaço-tempo, apoiando-se na metáfora da folha de papel ou do tecido do espaço-tempo, tornado bidimensional. Num eixo quadrimensional, como a estrutura espaço temporal se acomoda. Nós, seres humanos, vivenciamos o tempo como algo que flui, nós marcamos a linha divisória entre o passado imutável e o futuro que ainda estar por vir. E, nós acreditamos que vivemos em um momento especial que chamamos de presente, que está constantemente atualizado. E, aí como acreditar que estamos sem tempo para o atraso? 

GiseleLeite
Enviado por GiseleLeite em 22/03/2022
Copyright © 2022. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
iDcionário Aulete