"O conhecimento é o mais potente dos afetos: somente ele é capaz de induzir o ser humano a modificar sua realidade." Friedrich Nietzsche (1844?1900).

professora Gisele Leite

Diálogos jurídicos & poéticos

Textos


Tinha uma poesia gutural.
As gotas do orvalho bailam ao vento.
Os raios do sol dançavam também.

 

As nuvens esvoaçantes brincavam
em ser o que não eram.

Havia uma rima implícita.
Um lirismo ilícito.

 

Pecador solene que
desfilava sua soberania
sobre as coisas.

Na árvore, os frutos espalhavam 
o seu cheiro maduro.

 

Havia uma poesia gutural.
A chuva se avizinhava
O cheiro da terra úmida.
O barulho da chuva nas telhas
e na mata.

 

Dos galhos pingavam a esperança
de dias melhores.
Eram verdes.
Esverdeados
E até refletiam o azul do céu.

 

Das palavras em fonemas
saiam o som inexplicável
da poesia.

 

Das gotas de sangue 
misturadas aos orvalhos
Das gotas de lágrimas,
misturadas as gotas de chuva.

 

E, tudo tão líquido.
Lavavam a alma,
o espírito e, ainda, o corpo.
Sólido.
Insólito
e, insosso.

GiseleLeite
Enviado por GiseleLeite em 10/12/2021
Copyright © 2021. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
iDcionário Aulete