"O conhecimento é o mais potente dos afetos: somente ele é capaz de induzir o ser humano a modificar sua realidade." Friedrich Nietzsche (1844?1900).

professora Gisele Leite

Diálogos jurídicos & poéticos

Textos


A calda de pudim bviw



A memória afetiva é toda aquela que abrange lembranças sensoriais e emocionais, e nos vem através de sons, cheiros, cores e sabores. Por sentidos e sentimentos todos vinculados a um momento importante do passado. A memória afetiva é muito relevante para o desenvolvimento infantil.
Justamente porque aprendemos sobre os nossos sentimentos e os dos outros, os limites e a dinâmica do corpo e da alma. Afinal, para um crescimento realmente saudável, precisamos da memória afetiva que surge com específicos gatilhos, por vezes, até inconscientes. O cheiro de açucar queimado para fazer a calda do pudim, logo me traz de volta a infância, minha adorada avó e, hoje percebo o quão parecida com ela fiquei...
É o processo de formação de memórias afetivas que contribui massivamente para o reconhecimento de diferentes sensações e emoções que aparecem justamente a partir de acontecimentos importantes. Em verdade, muito desta memória  é construída na escola. Na descoberta agradável do mundo, dos outros e, principalmente, da aprendizagem. Humanizamo-nos continuamente e, ainda, humanizamos tudo em que tocamos, conhecemos ou guardamos num lugar onde mora o infinito que há em nós.
GiseleLeite
Enviado por GiseleLeite em 29/09/2020
Alterado em 30/09/2020
Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
iDcionário Aulete