× Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links
"O conhecimento é o mais potente dos afetos: somente ele é capaz de induzir o ser humano a modificar sua realidade." Friedrich Nietzsche (1844?1900).
professora Gisele Leite
Diálogos jurídicos & poéticos
Textos
O tempo é uma grandeza física que nos permite mensurar a duração ou a separação de coisas mutáveis e sujeitas a constantes alterações. 

A roda do tempo nos faz captar a noção de presente, passado e futuro que ocorre somente uma única vez.  Albert Einstein afirmou que  a diferença entre ter passado, presente e futuro, trata-se apenas de mera ilusão, ou seja, que tais etapas se tratam de projeções mentais e, existem somente na consciência humana.

O tempo segundo Aristóteles é medido quando se numera o movimento. E, para tanto, é preciso que haja uma alma, isto é, alguém para numerá-lo. Afirmou que o tempo não existe em linha reta, e não possui nem começo e nem fim. O acaso na verdade inexiste, pois tudo é explicável seja pela sucessão de fatos como pela consciência.

Para Santo Agostinho o tempo não é infinito e que Deus o havia criado. O tempo somente existe em nossa mente, tem, portanto, um significado psicológico. O tempo não tem limite. Por isso, o desapego e a necessidade de evolução é constante além de necessária. Precisamos da mudança para sempre obter a sobrevivência com dignidade. E, entender, novos conceitos, hábitos e culturas. 
GiseleLeite
Enviado por GiseleLeite em 15/01/2020
Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários