"O conhecimento é o mais potente dos afetos: somente ele é capaz de induzir o ser humano a modificar sua realidade." Friedrich Nietzsche (1844?1900).
professora Gisele Leite
Diálogos jurídicos & poéticos
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


Tudo é sete.

Tudo é sete.
Nasci de sete meses e sete dias. As sete horas da manhã. Na ocasião, o médico com a voz embargada informava aos meus pais que provavelmente, eu não chegaria a um mês. Ultrapassado os famigerados trinta dias, sobrevivi.
E, o médico demonstrou surpresa, pois eu havia crescido e engordado. E, já perdia o aspecto pavoroso de prematuro.
Assim mesmo avisou a família que minha saúde seria precária e sempre inspiraria maiores cuidados que uma pessoa normal. Quando completei seis meses, meus pais extasiados, comemoraram com bolo e refrescos.. Quando completei um ano, o mesmo médico, ainda incrédulo, urrava:- É um milagre! Cresci, esse médico veio a falecer quando eu tinha exatos doze anos, era o que chamavam de meninota... franzina, alta e, ainda, com uma saúde sensível ...Alérgica a poeira e a cheiros fortes e, tantas outras vicissitudes. De qualquer maneira, o sete me persegue... Fui a sétima melhor colocação no vestibular, depois no concurso e, por aí, a fora...

 
GiseleLeite
Enviado por GiseleLeite em 17/05/2019
Alterado em 17/05/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários