× Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Fotos Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato Links
"O conhecimento é o mais potente dos afetos: somente ele é capaz de induzir o ser humano a modificar sua realidade." Friedrich Nietzsche (1844?1900).
professora Gisele Leite
Diálogos jurídicos & poéticos
Textos
Estou inscrita na tragédia diária em existir e sobreviver. Mas a existência humana requer essências. Essência que está na placidez de águas estagnadas. Na chuva torrencial regada por raios e trovões. No silêncio peripatético e semântico onde afetos e signos dormitam e trafegam incoerentemente.
Estou inscrita na tragédia. Mas, me recuso a ser trágica. Há mortes, abandono e tristeza. O solitário hábito de existir enquanto a sua volta tudo perece continuamente. Tudo é tão provisório e precário. Tudo é deletável, editável e mutante. Somos seres em mudança ambulante. Somos parte da lápide em pedra fria a marcar o final de tudo. Devo dizer alguma coisa aos olhos que pingam mudos e as palavras borram a tela do presente.
Trago no peito a inscrição genética, histórica e cultural que conspira contra o livre arbítrio. Deixe-me ao acaso. A ter sangrias desatadas, a cultivar velhas feridas. A rejeição reiterada e, por fim, a sombra da noite a encobrir tudo. A fazer desaparecer os passos e o caminho.
Quem nos perdoará? A quem poderemos perdoar? Essa é a tragédia destilada no ódio cotidiano de ter justificativas para tudo.
GiseleLeite
Enviado por GiseleLeite em 21/03/2019
Alterado em 21/03/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários